Sérgio Moro reafirma instalação de Centro Integrado de Segurança em Foz

Desfile cívico-militar marca o aniversário de 105 anos de Foz do Iguaçu
11 de junho de 2019
11 de junho de 2019

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, reafirmou no último sábado (8) em Curitiba, a intenção de instalar ainda este ano um projeto piloto de Centro Integrado de Inteligência de Segurança de Fronteira em Foz do Iguaçu. A estrutura, denominada “fusion center”, inspirada na experiência dos Estados Unidos após os atentados de 11 de setembro de 2001, já está em elaboração pela pasta e será a primeira do país.

“Estamos com plano de criar Centros Integrados de Inteligência no âmbito das fronteiras”, disse Moro, logo após palestra no 4º Congresso Luso-Brasileiro de Direito na Unicuritiba. “Nós temos o projeto piloto para criar o primeiro aqui em Foz do Iguaçu (no Paraná) este ano, modelado numa experiência norte-americana chamada de ‘fusion center'”, ressaltou o ministro.

A intenção, ainda de acordo com moro, é começar no segundo semestre, o centro “já operacional”. “Não sei em que momento do segundo semestre”, frisou o ministro. A intenção, como já destacado em reportagem no Gazeta Diário, é reunir num mesmo local representantes da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, da Polícia Civil, da Polícia Militar, Forças Armadas, Receita Federal e agências de inteligência federal.

“Tudo para gerar uma sinergia, para otimizar o enfrentamento do crime”, disse o ministro. Que ressaltou: “Este ‘fusion center’ em Foz do Iguaçu, vai ter como foco o controle de fronteiras e, portanto, combate aos crimes transfronteiriços e financiamento do terrorismo”, informou o ministro.

Ronildo Pimentel /  Foto: Divulgação

Share

Leia mais sobre este conteúdo e outras informações na edição impressa.

GDIA