Douglas Dias
Resolução do FNDE definiu regras para a distribuição de gêneros alimentícios do PNAE

O Ministério da Educação (MEC) e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) publicaram nesta semana uma resolução com orientações para que secretarias de Educação de estados, do Distrito Federal e de municípios realizem a distribuição de alimentos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). A medida garante a alimentação de estudantes das redes públicas da educação básica que estão com aulas suspensas. De acordo com o documento, publicado no Diário Oficial de União (DOU), os alimentos devem ser distribuídos em forma de kits, definidos pela equipe de nutrição local, de acordo com a faixa etária de cada estudante e o período em que estaria sendo atendido na unidade escolar. Além disso, os kits devem seguir as determinações do PNAE como respeitar hábitos alimentares, a cultura local e a qualidade nutricional e sanitária. A presidente do FNDE, Karine Santos, destaca que o programa atende, diariamente, 40 milhões de estudantes das redes públicas de ensino. (Fonte: mec.gov.br)

 


 Antes do isolamento social, as arquitetas THAIS de Lara e STEPHANY Osmari
foram conferir os belos ambientes do showroom da Trend Concept/Finger em Foz

   

14º LACTE 
De olho no mercado da indústria de viagens corporativas, que movimentou R$ 67 bilhões em 2018, o Visit Iguassu, seus associados e a Prefeitura Municipal participaram da 14ª edição do LACTE, apresentando a infraestrutura e vantagens do Destino Iguassu para realização de eventos. A participação em feiras de turismo proporciona um contato direto com profissionais de empresas que anualmente realizam convenções e eventos no Brasil e no mundo, e que são responsáveis pela decisão do local onde estes eventos serão realizados. (Assessoria)

CLARISSA Andrade marcou presença em um desses eventos que, antes do isolamento social, reuniram nomes tradicionais da sociedade iguaçuense