Não Informado - 44454
Não Informado - 44454

  Puxa-saco Corvo, saiba que eu gosto muito do Vermelho. Não votei nele porque fui induzido ao erro, e neste caso me arrependi. Também vi o vídeo da primeira fala dele da tribuna da Câmara e gostei. Mas estou escrevendo para dizer que você, Corvo, é um lambe-botas! Não precisa puxar tanto o saco assim. Que paixão é essa? Por favor, hein Corvo? João Ramiro de Souza O Corvo responde: prezado engenheiro das obras magnânimas e, em geral, prontas, este Corvo está convicto de que o nosso deputado Vermelho nos representará à altura, sendo assim o incentivamos da melhor maneira possível. Por outro lado, fazemos isso com pessoas próximas e que depois de uma vida lutando chegaram lá. O Corvo adora persistentes e otimistas, gente de visão e que briga pela cidade e região. O Vermelho é assim, então, além de puxa-saco, esta ave de rapina é fã do deputado. Se lê a coluna, concluirá essa cumplicidade com outras pessoas, sempre incentivadas. Mas isso mão quer dizer que escaparão das críticas quando for necessário! Bom sábado! Vermelho e a Agricultura E o nosso deputado federal Vermelho está sempre jogando certo. Já fez amizade com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, com o ministro Onyx Lorenzoni, com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, enfim, consegue relacionar-se facilmente com as autoridades da República, o que facilitará os pleitos da cidade e da região. E ontem ele foi convidado a fazer parte da comitiva da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, para visitar o Show Rural em Cascavel. Claro, ele aceitou de bom grado e aterrissou bem cedo em Cascavel, no avião ministerial. Durante o voo, Vermelho aproveitou para falar com a ministra sobre as necessidades dos produtores rurais do Oeste e Sudoeste, regiões que dão exemplo ao Brasil na produção de grãos, carne e leite. Embarcações irregulares A Marinha está fazendo blitze nos rios e lagos. Mais de 240 embarcações foram notificadas, o que pode ser considerado um "mar" de irregularidades, proporcionalmente maior que os problemas com os veículos que usam rodas. A frota de embarcações pequenas e médias não é pequena na área de atuação da Capitania Fluvial do Rio Paraná, tanto que foram realizadas 2.670 abordagens. Um dos maiores problemas é o litro ao lado do piloto. Isso é um perigo. Há quem acredite que beber e pilotar uma lancha ou barco pequeno não dá nada. Engano.   Boa pedida Este Corvo, apesar de tricolor, já foi provar da comidinha caseira do Restaurante Corinthiano. O bufê é muito bom, além do ambiente aprazível. Aqui vai um abraço ao amigo Adriano, que mata a cobra e mostra o pau.   Parabéns, Fabinho! Quem estreou idade nova nessa sexta-feira (8) foi o diretor do Gazeta Diário, Fábius Augusto Romano Bonato (Fabinho). O Corvo e toda a equipe do jornal desejam a você muitas felicidades. Que todos os seus sonhos se tornem realidade. Um grande abraço e sucesso sempre! Renda Corvo, li ontem no jornal que a Guarda Municipal vai ganhar um simulador virtual de tiro, com a finalidade de afinar a mira e as habilidades dos nossos gloriosos servidores na área de segurança. Mas, prezado pássaro, aqui entre nós, é um equipamento bem caro: R$ 163 mil! Então vai aqui uma dica: com a nova lei, que permite a posse de armas, muitas pessoas estão procurando as escolas de tiro, e os preços são muito salgados. Não seria o caso de a Guarda Municipal promover esses cursos por um preço mais acessível? Veja, arrecadaria um bom dinheiro para ajudar a equipar a tropa com coletes à prova de balas, combustível, armas e uma porção de itens que se fazem necessários, mas que saem do orçamento do município. Desta forma, a prefeitura poderia usar os recursos em outras frentes. Virgílio Maranhão O Corvo responde: que boa ideia a sua, hein leitor? Mas parece que a GM não pode desviar a finalidade, a não ser que passe uma lei pela Câmara. De fato, a procura é grande por cursos de tiro, porque isso é obrigatório. O Corvo vai publicar a sua nota e certamente ela será de conhecimento dos vereadores e prefeitura. Todo tipo de receita deve ser bem recebido, sobretudo se for para ajudar a manter corporações tão necessárias. O grampo Segundo a análise de uma pessoa muito entendida em equipamentos eletrônicos, o "trubisco" colado embaixo da mesa de vereadora Inês da Saúde não gravaria absolutamente nada, porque seria um emissor de ruídos, do tipo alto-falante, e não um receptor ou microfone, de modo que alguém pudesse ouvir as conversas do gabinete.   Gravidade No caso, se há gravidade e o assunto merecer ser levado adiante, é mais pelo fato de a vereadora ouvir do que falar. No fim das contas, o que podemos concluir é que o "espião" misterioso está mais para Inspetor Closeau, o atrapalhado policial francês do filme A Pantera Cor-de-Rosa, do que um agente do tipo 007.   Ridículo E, para variar, a discussão foi levada adiante, como manda o figurino do folclore político. Isso brinca com o imaginário da chacota e com o ânimo dos contribuintes, que não estão muito a fim de palhaçadas, ou situações que tirem o bonde dos trilhos, levando a imagem da Câmara para o ridículo de anos atrás. Se este Corvo fosse o vereador Beni, presidente do Legislativo, mandaria colher as impressões digitais nas fitas crepes que prendem o pedaço de fio embaixo da mesa. Isso deve revelar de quem são os dedinhos traquinas que tentaram chamar a atenção com algo tão jocoso.   Mary Kay O caso do falso grampo no gabinete da vereadora pode ter causado um efeito impressionante: as ações da empresa mundial de marketing responsável pelos produtos de beleza vendidos door to door (de porta em porta), da qual Inês foi consultora, foram às alturas em várias bolsas de valores ao redor do mundo!   Novo diretor E a Câmara tem um novo diretor, o Juliano Pedroso. Ele disse que vai modernizar o Legislativo iguaçuense. Como é arrojado, vamos torcer para não instalar a realidade virtual, de maneira que os ilustres vereadores projetem as imagens em 3D, sem precisar comparecer no plenário. Se começar modernizando as informações na página da Câmara, para o conhecimento público dos atos, já estará de bom tamanho.   Parque das Aves Este Corvo está louco para se mudar para um dos viveiros no Parque das Aves. Para um pássaro, isso seria como morar no melhor spa do mundo, devido à dedicação, profissionalismo e cuidados com o ambiente. E vamos lembrar que o parque comemora o jubileu dos 25 anos em 2019. O que parecia um sonho de Anna e Dennis Croukamp hoje está convertido num dos mais espetaculares cartões-postais abaixo da Linha do Equador (abaixo e acima) e que mora no coração de cada iguaçuense. Aqui vai um abraço à doutora Anna e toda a sua equipe!   Sorteios do Gazeta Diário Quase todos os dias há felizes contemplados com os sorteios no GDia. Algumas pessoas ligam perguntando o significado da palavra "GDia". O Corvo aproveita a oportunidade para responder: o "G" quer dizer "Gazeta", e o "Dia" significa "Diário". Então as palavras abreviadas sintonizam o nosso portal eletrônico de notícias, o www.gdia.com.br, endereço muito acessado e que faz o maior sucesso com as promoções nas redes sociais. Cristina De Stefani foi uma das contempladas com o voucher para um passeio no Parque Nacional do Iguaçu, em sorteio realizado com a parceria da Cataratas S/A. Mais ganhadores... ...os sorteios do GDia presenteiam com ingressos para cinema, atrativos dos mais diversos e, em breve, oferecerão brindes, uma iniciativa do pessoal de "e-commerce" da empresa jornalística. Nossos parabéns para a Sueli Vieira Delfino, que também vai refrescar-se nas Cataratas do Iguaçu, uma das Sete Maravilhas da Natureza.