Suspeitos do assassinato de Marielle negam envolvimento no caso


- Por: Reciel

Suspeitos do assassinato de Marielle negam envolvimento no caso

Os advogados de Ronnie Lessa e Elcio Vieira de Queiroz, suspeitos do assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, negaram ontem (12) o envolvimento de seus clientes no caso. Logo após a prisão, Lessa e Viana receberam a visita dos advogados, na Delegacia de Homicídios, na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro. Ambos os suspeitos estão na delegacia, mas se recusaram a prestar depoimento, de acordo com informações divulgadas por policiais no início desta tarde. O Elcio não estava nem nesse dia. Eu tenho certeza de que não tem foto dele no carro e muito menos gravação dele nesse dia lá. E tenho certeza de que a vítima que sobreviveu não vai reconhecer o meu cliente, disse Luís Carlos Azenha, advogado do ex-policial militar. Viana foi expulso da corporação após ser preso na Operação Guilhotina, que investigou policiais civis e militares acusados de corrupção e de manter ligações com traficantes. Ele não foi condenado na Operação Guilhtiona. Ele estava pleiteando o seu reingresso na PM, contestou Azenha. Akemi Nitahara – Repórter da Agência Brasil Foto: ABr

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas