Sociedade Islâmica e Associação Senhora Fátima distribuem cestas e marmitas para pessoas carentes


- Por: Redação 1

Sociedade Islâmica e Associação Senhora Fátima distribuem cestas e marmitas para pessoas carentes
Famílias carentes receberam marmitas e roupas arrecadadas pela comunidade árabe de Foz

Em tempos de crise, a solidariedade vem ganhando cada vez mais espaço. Representantes da Sociedade Beneficente Islâmica de Foz do Iguaçu e da Associação Senhora Fátima Al-Zahraa estão trabalhando juntos para levar um pouco de dignidade e esperança para famílias em situação de vulnerabilidade social. 

Desde o início da pandemia do novo coronavírus na cidade, diversas ações já foram realizadas. Na terça-feira (19) o trabalho conjunto resultou na distribuição de mais de 300 marmitas, dezenas de cobertores e roupas, além de uma grande quantidade de cestas básicas. 
“Nesse momento temos que aprender a olhar para o outro, é nosso dever ajudar quem precisa, a união de todos com certeza já está fazendo uma grande diferença”, disse o presidente da Sociedade Islâmica, Mohamad Hijazi. 

Os locais escolhidos para a entrega dos donativos foram as comunidades do Jardim Jupira e Ocupação Bubas, que concentram uma enorme parcela de pessoas carentes. Também foram contemplados o Albergue Lar Esperança, que atende pessoas em situação de rua, e o Centro de Recuperação para Dependentes Químicos. 

“Queremos agradecer a Associação da Senhora Fátima e Sociedade Beneficente Islâmica de Foz por contribuir com o almoço dos nossos acolhidos, tivemos a doação de marmitas, refrigerantes, sobremesa, bem como também de cobertores. Obrigada a cada integrante que contribuiu servindo a esta população que tem buscado oportunidades dentro da Instituição e parceiros dela para um novo recomeço”, manifestaram os coordenadores do Lar Esperança. 

As ações solidárias já fazem parte dos trabalhos desenvolvidos pela Sociedade Islâmica e comunidade árabe em geral, na fronteira. Entretanto, devido ao estado de crise enfrentando nos últimos meses, os trabalhos foram intensificados em parceria com outras instituições. 

“A sociedade, junto com a Associação Senhora Fátima, promove esses atos em diversas ocasiões e datas, mas de fato esse trabalho tem ocorrido com mais frequência agora. A entrega de cestas básicas passou a ser quinzenal para famílias em situação de emergência, assim como o repasse de outros alimentos como carne e frango”, explicou um dos membros da comunidade árabe, o jornalista Yassine Ahmad Hijazi. 

Da redação 
Foto: divulgação 

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas