Retinopatia diabética: cegueira causada por diabetes


- Por: Reciel Rocha

Retinopatia diabética: cegueira causada por diabetes

Em geral, a doença é assintomática. Mas o primeiro sinal pode ser a vista embaçada

Todo nosso organismo é conectado. Por isso, é importante que tudo esteja em perfeita ordem para que sua saúde seja plena.
Frequentemente, a visão é afetada por doenças que nada têm a ver com os olhos. Um exemplo disso é a retinopatia diabética, que é uma condição ocular deteriorada por conta do aumento da glicemia.
Podendo causar cegueira, a retinopatia provoca lesões definitivas nas paredes dos vasos sanguíneos que irrigam a retina. Com o passar do tempo e a falta de cuidados, tais vasos sanguíneos podem se romper, causando manchas por conta da hemorragia e até mesmo descolamento de retina.

Diagnóstico
O diagnóstico da retinopatia é feito por meio de exames oculares, como fundo de olho e angiografia da retina. A doença não é facilmente percebida pelo paciente pois não causa dores – daí a importância de todo paciente diabético estar atento à saúde ocular.

Sintomas
Em geral, a retinopatia diabética é assintomática. Mas o primeiro sinal pode ser a vista embaçada.

Tratamento
O tratamento da retinopatia diabética é feito com laser, e se chama panfotocoagulação, em que os vasos sanguíneos prejudicados são fotocoagulados em duas sessões, aproximadamente. Para casos mais severos, uma cirurgia chamada vitrectomia é feita para remover o sangue do olho.
Para evitar a retinopatia, a solução é ter hábitos saudáveis a fim de manter a glicemia sob controle.

Dr. Renato Tolazzi
CRM: 16005
Médico Oftalmologista
Diretor Técnico do IMOF
Membro da Sociedade Brasileira de Oftalmologia

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas