Retenção de Líquido - Como tratar e reduzir o inchaço


- Por: Redação 2

Retenção de Líquido - Como tratar e reduzir o inchaço
(Foto: Imagem: Divulgação )

Retenção Líquida
Quais as causas e as alternativas de tratamento por método nutricional

Mais popularmente conhecida por "inchaço", a retenção de líquidos se dá por diversos fatores fisiológicos e/ou de estilo de vida, que comprometem nosso sistema linfático e causam esse desconforto tão comum entre as pessoas. Algumas das principais causas seriam: alterações hormonais; uso de medicamentos; sobrepeso e obesidade; sedentarismo; consumo excessivo de alimentos ricos em sódio, açúcar e de bebidas alcoólicas; carência de vitaminas e minerais; permanência por muitas horas em pé ou na mesma posição; baixa ingestão de água; período pré-menstrual; doenças cardíacas, renais, hepáticas, etc.
Nos casos mais graves, especialmente quando decorrente de doenças crônicas, geralmente é necessário uso de medicamentos diuréticos contínuos, sempre com orientação e acompanhamento médico.

No geral, as indicações nutricionais mais recomendadas são: 

- Adequar a ingestão de água diária para seu corpo (cerca de 35 ml por cada Kg do seu peso);
- Atividade física regular;
- Alimentação saudável; 
- Diminuir ou suspender o consumo de alimentos industrializados (embutidos, enlatados, alimentos prontos congelados, salgadinhos, doces, macarrão instantâneo, bolachas recheadas, refrigerantes...)

Além destes cuidados essenciais, você pode usar frutas e especiarias de sua preferência e fazer combinações de sucos detox ou chás diuréticos naturais, que irão auxiliar o seu organismo na eliminação desses líquidos em excesso, usando por exemplo: abacaxi, melancia, limão, hibisco, salsinha, gengibre, funcho, maçã, pepino, hortelã, chá verde. 
E como já dizia Hipócrates: Que seu remédio seja seu alimento, e que seu alimento seja seu remédio. 


Juliana Cigerce
Nutricionista 
CRN 13.461

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas