Preso em Porto Franco bandido brasileiro condenado a 54 anos


- Por: Reciel

Preso em Porto Franco bandido brasileiro condenado a 54 anos

A Polícia Nacional e o Ministério Público do Paraguai prenderam neste final de semana o perigoso bandido Anderson Ferreira Goulart, de 36 anos. Anderson, também conhecido por Huck, é brasileiro e estava foragido no Paraguai há cerca de três anos. A Polícia Nacional apurou que Anderson cruzava a Ponte da Amizade com muita frequência e tinha ligações no bairro Morumbi. Aqui na fronteira ele agia, principalmente, como traficante. Ao perceber que estava cercado, Anderson tentou danificar seu celular, mas a polícia enviou o aparelho para a perícia decodificar as conversas e mensagens armazenadas. Antes de fugir da penitenciária, Anderson morava em Pelotas (RS). Nesta cidade gaúcha ele comandava a facção criminosa chamada Os Tauras, uma dissidência do PCC. Ao ser preso em Porto Franco, o bandido estava em companhia de sua mulher, Renata Vieira de Oliveira, que também foi presa. A Polícia ainda não sabe se ela participava do esquema criminoso. Adelino de Souza Freelancer / Foto: Tribuna Popular

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas