Paraguai prende principal fornecedor de drogas e armas ao PCC e Comando Vermelho


- Por: Reciel Rocha

Paraguai prende principal fornecedor de drogas e armas ao PCC e Comando Vermelho
Levi é apontado pela Senad como importante chefe do narcotráfico

Um brasileiro apontado como um dos maiores fornecedores de armas e drogas para facções criminosas no Brasil foi preso na manhã de segunda-feira (14) durante uma operação de agentes da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas) em um apartamento de luxo no bairro de Villa Morra, em Assunção, capital do Paraguai. 
O traficante, identificado como Levi Adriani Felício, de 52 anos, foi preso ainda na cama, em um dos quartos do imóvel. Uma brasileira que estava com ele também foi detida.
Levi é apontado pela Senad como um importante chefe do narcotráfico e principal fornecedor de drogas para o PCC (Primeiro Comando da Capital) e o Comando Vermelho. Ele foi comparado a um executivo do crime, segundo o ministro-chefe da Secretaria Nacional Antidrogas, Arnaldo Giuzzio.
De acordo com a Senad, no apartamento foram encontrados um fuzil calibre 7.62, duas pistolas 9mm, dois revólveres calibre 38, munições de vários calibres, dinheiro, joias, relógios de luxo, celulares, computadores e documentos.
Levi morava há pouco tempo no apartamento. Antes de se mudar para o local, ele vivia em uma mansão em outro bairro da capital paraguaia, avaliada em meio milhão de dólares.

Da Redação / Foto: Senad

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas