Operação AIFU interdita clínicas irregulares de recuperação no Morumbi e Cognópolis


- Por: Redação 1

Operação AIFU interdita clínicas irregulares de recuperação no Morumbi e Cognópolis
A operação envolveu várias equipes de segurança de Foz do Iguaçu, na manhã de ontem (8)

Duas clínicas irregulares de recuperação para dependentes químicos foram interditadas em Foz do Iguaçu, na manhã de quarta-feira (8), durante uma Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU). A operação envolveu várias equipes de segurança de Foz do Iguaçu. 
Um dos locais atendia em uma residência, no bairro Morumbi III. O local foi descoberto após a apuração de uma denúncia anônima informando situações de maus-tratos. Na casa, que funcionava há cerca de dois meses como clínica sem autorização, foram encontradas 15 pessoas que precisarão ser encaminhadas para um local regular. 
Um dos internos, de 60 anos, estava bastante debilitado e foi encaminhado para atendimento médico com sinais de desnutrição. Uma jovem, de 22 anos, foi encontrada em estado de surto psicótico pelo uso de entorpecentes e também foi resgatada e conduzida a uma unidade hospitalar. 
De acordo com informações da responsável pela clínica, alguns dos pacientes foram trazidos de uma outra clínica ilegal, que funcionava na área rural de Foz e também foi interditada em outubro, pela operação AIFU, por uma série de irregularidades e denúncias de maus-tratos. 
A segunda clínica interdita na ação de ontem está localizada em uma chácara no bairro Cognópolis. No local, que está com os documentos de funcionamento atrasados, viviam 32 homens. Os internos terão de ser realocados em um prazo de 72 horas. 

Da Redação / Foto: reprodução RPC

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas