Leitos de UTI para pacientes Covid segue em alta e chega a 84% em Foz


- Por: Redação 1

Leitos de UTI para pacientes Covid segue em alta e chega a 84% em Foz
Hospital Municipal recebeu 20 novos respiradores do Ministério da Saúde

A ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com Covid-19 segue em alta e chegou a 84,2% em Foz do Iguaçu nesta segunda-feira (23). A informação consta do Painel Coronavírus da Vigilância Epidemiológica. Das 89 camas especiais disponíveis na rede, 75 estavam em utilização ontem. O Hospital Municipal Padre Germano Lauck recebeu 20 respiradores do Governo Federal.

De acordo com o boletim da Vigilância Epidemiológica, Foz do Iguaçu registrou ontem 133 novos infectados pelo Coronavírus, totalizando 12.322 casos da doença. Deste total, 11.529 pessoas já estão recuperadas. Dos novos registros, 73 são mulheres e 60 homens com idades entre 3 meses e 90 anos.

Do total de novos casos, 127 encontram-se em isolamento domiciliar e seis pessoas estão internadas. Dos casos confirmados ativos em Foz do Iguaçu, 509 estão em isolamento domiciliar com sinais e sintomas leves e 110 pessoas estão internadas. O município registra até o momento 174 óbitos.

A origem dos 75 pacientes internados em UTI, 70 são de Foz do Iguaçu e dois são de Medianeira. Fecham a lista três pacientes vindos de Santa Terezinha de Itaipu, São Miguel do Iguaçu e de outra localidade fora da 9ª Regional de Saúde. Dois 74 leitos de Enfermaria da ala Covid, 55 estavam em utilização ontem - 74,3% do total.

Novos respiradores
O Hospital Municipal de Foz do Iguaçu recebeu ontem 20 respiradores do Ministério da Saúde, ampliando a capacidade de atendimento da rede hospitalar do município. Os novos equipamentos se juntam aos 20 monitores multiparâmetros, entregues sábado (21) pelo Governo Estadual. 

Os respiradores foram adquiridos após solicitação do secretário da Saúde do Paraná, Beto Preto ao Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para expansão dos leitos das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) Geral e Covid. "Queremos agradecer ao Governo Federal, ao ministro Eduardo Pazuello e assessoria, por ter atendido um pedido direto do Governo do Paraná", disse o secretário.
Com mais equipamentos, será possível garantir uma assistência qualificada aos pacientes de Foz do Iguaçu e região, ajudando a salvar vidas, num momento de crescimento de casos confirmados pelo novo Coronavírus, ressaltou Beto Preto. Apesar da expansão de leitos, o secretário reforça a atenção as medidas preventivas. 

O Governo do Paraná está atuando de maneira firme e descentralizada para assegurar estas estruturas, disse. "Mas leitos disponíveis não são a justificativa para que as pessoas façam festas, realizem churrascos com amigos, promovam encontros ou estejam aglomerados", alertou o secretário. 

Ronildo Pimentel

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas