Jogos do campeonato paranaense serão retomados no próximo sábado


- Por: Redação 1

Jogos do campeonato paranaense serão retomados no próximo sábado
O retorno da disputa foi confirmado durante  videoconferência 

Os jogos do campeonato paranaense de futebol serão retomados no próximo sábado (18) sem público e com o acesso restrito nos estádios aos atletas e comissões, organizadores e profissionais da imprensa. O retorno da disputa foi confirmado nesta quinta-feira (16) durante uma videoconferência que reuniu o governador Carlos Massa Ratinho Junior, o secretário estadual de Saúde, Beto Preto, o presidente da Federação Paranaense de Futebol (FPF), Hélio Cury, e representantes dos clubes.

O tema da reunião foi o protocolo de retorno das atividades do futebol profissional. Ficou acordado que as partidas deverão respeitar todo o regramento sanitário estabelecido pela FPF e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que foi referendado pela Secretaria de Estado da Saúde. As normas incluem realização de testes, aferição de temperatura e higienização dos estádios.

O governador pediu que os clubes realizem campanhas para evitar aglomerações nos arredores dos locais dos jogos ou em bares e restaurantes. Ratinho Junior reforçou que o retorno das atividades profissionais do futebol acontece dentro de parâmetros de saúde bem rígidos.

“O objetivo é a proteção da saúde das equipes, das comissões técnicas e dos profissionais da imprensa. Não podemos esquecer que ainda há pandemia e que o Paraná enfrenta momento difícil. Queremos colaborar e precisamos do compromisso de todos os envolvidos”, afirmou Ratinho Junior.

CUIDADOS – O secretário estadual de Saúde, Beto Preto, disse que os clubes cumpriram recomendações anteriores em relação a etapas do processo de retorno, que envolveram fase preliminar de entendimento dos processos nos departamentos médicos, treinamento individual e coletivo. Durante esse período os jogadores foram testados e os profissionais e funcionários tiveram que ser acompanhados.


AEN
Foto: Rodrigo Felix Leal

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas