Itaipu/Paraguai construirá o maior parque ambiental do Cone Sul


- Por: Reciel

Itaipu/Paraguai construirá o maior parque ambiental do Cone Sul

A Itaipu do lado Paraguaio firmou um convênio com o Instituto Smithsonian, dos Estados Unidos, para converter o atual  Centro Ambiental de Hernandarias, no maior parque ambiental do Cone Sul. O novo parque será referência internacional em matéria de conservação por parte de uma hidrelétrica. O convênio de cooperação foi subscrito pelo diretor-geral da Itaipu do lado paraguaio, José Alderete, e pelo diretor do Insitituto de Biologia e Conservação Smithsonian, Steven Monfort, durante encontro no Zoológico Nacional de Whashington. Pelo convênio, a Itaipu investirá, nos próximos quatro anos, US$ 30 milhões em uma área de 77 hectares. Um dos principais objetivos do acordo para construir o centro, será transformar o estado de Alto Paraná em um polo de desenvolvimento turístico, líder em conservação de áreas protegidas e investigação científica de animais silvestres. Alderete disse que o parque a ser construído atrairá turistas nacionais e estrangeiros interessados em turismo ecológico. Iremos reabrir o zoológico por meio de um assessoramento profissional e uma infraestrutura fabulosa, igual ao melhor que existe em Washington para converter Alto Paraná não somente em um centro comercial de fronteira, mas também em um polo de desenvolvimento turísticos, afirmou. Esse centro irá gerar novas frentes de trabalho e entrada de divisas. Quando estiver concluído o Paraguai irá oferecer aos turistas um pacote de turismo ecológico, assim como o Brasil oferece nas Cataratas do Iguaçu, acrescentou Alderete. Adelino de Souza Freelancer /Fotos: Itaipu/PY

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas