Declaração de epidemiologista causa pânico em Ciudad del Este


- Por: Redação 1

Declaração de epidemiologista causa pânico em Ciudad del Este
Sequera disse que não se deve baixar a guarda para CDE não ser uma nova Wuhan

O diretor geral de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde do Paraguai, Guillermo Sequera, advertiu que o governo não deve baixar a guarda porque o pior da pandemia do novo coronavírus ainda não passou.

Ele argumentou que, com a chegada do frio, os riscos aumentam porque o vírus se torna mais resistente. Sequera manifestou sua preocupação com Ciudad del Este durante entrevista na rádio 730 AM.

“Estamos entrando em uma etapa mais perigosa, a tormenta ainda não passou. Não sabemos o que vai acontecer nos meses de junho e julho quando o frio aumentar. A gripe normal associada à covid-19 pode nos golpear muito forte”, destacou o epidemiologista.
“Precisamos fazer uma vigilância muito grande em Ciudad del Este e outros municípios fronteiriços porque se o controle não for eficiente, corremos o risco de uma grande contaminação. A população precisa colaborar e entender o perigo. Não será a polícia nem o Ministério Público que vai segurar a pandemia. Ciudad del Este poderá se tornar uma Wuhan se as medidas duras não forem tomadas”, acrescentou Sequera.

O epidemiologista pediu para a população fazer o teste se surgirem os sintomas do novo coronavírus e lembrou o ocorrido no Chile, que flexibilizou as medidas de prevenção e a situação ficou fora de controle em apenas dez dias.

As decalarções de Sequera e as informações sobre o suposto fechamento da Ponte da Amizade ate´dezembro, com possibilidades de adiamento, causa perplexidade nos moradores de toda a região, uma vez que várias cidades vivem do comércio fronteiriço, calçado nas relações com o Brasil. Por outro lado, comerciantes brasileiros que atuam na área primária, entram em fase de alerta, com a possibilidade de fechamento de vários negócios, alguns tradicionais e que já resistiram à várias crises. 

Da Redação / Foto: Lanacion

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas