Congresso da Sociedade Brasileira de DST começa amanhã em Foz


- Por: Reciel Rocha

Congresso da Sociedade Brasileira de DST começa amanhã em Foz
Doutoras Vilma e Carolina na organização do 12º Congresso da Sociedade Brasileira de DST

 Entre 1.000 e 1500 médicos e outros profissionais da saúde vão se encontrar em Foz do Iguaçu, a partir deste domingo, 22. Eles participam do 12º Congresso da Sociedade Brasileira de DST, o 8º Congresso Brasileiro de AIDS e o 3º Congresso Latino Americano IST/HIV/AIDS. Os três eventos acontecerão simultaneamente entre domingo (22) e quarta-feira, 25, no Hotel Bourbon Cataratas. 
De acordo com a presidente do congresso, médica ginecologista e professora de medicina na Unila, Wilma Nancy Campos Arze, a ideia da comissão organizadora é juntar a maior número de profissionais no âmbito nacional e também no nível local e transfronteiriço. Um dos motivos da preocupação é o crescimento do número de casos de sífilis congênita. “Os índices de sífilis e sífilis congênita estão aumentando”, lembra a médica.    
Os profissionais discutirão questões epidemiológicas e de tratamento de doenças como  sífilis, gonorréia, HIV, HPV e as hepatites especialmente a hepatite C, entre as mais conhecidas. Para a médica ginecologista e professora de medicina na Unila, Carolina Leao Oderich uma das preocupações é a eliminação da sífilis congênita – a doença passada de mãe para filho. Segundo a médica, a doença é fácil de prevenir e fácil de tratar. “É inaceitável que a sífilis, uma doença facilmente tratável, tenha reaparecido e ameace aumentar”, disse destacando que a doença pode ser tratada com duas ou três doses de penicilina. 

Da Redação
Foto: Robson Meireles  

 

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas