Com baixa procura, Foz perde mais de 4 mil doses de vacinas contra a covid-19


- Por: Redação 1

Com baixa procura, Foz perde mais de 4 mil doses de vacinas contra a covid-19
Cerca de 100 mil pessoas na faixa dos 40 anos podem tomar a 4ª dose para covid, mas apenas 30% procuraram a imunização 

A baixa procura pelos imunizantes contra a covid-19 está preocupando a Secretaria Municipal de Saúde em Foz do Iguaçu. Nesta semana a cidade perdeu 4,5 mil doses de vacinas, que ultrapassaram o prazo de validade e precisaram ser descartadas pelas Unidades Básicas de Saúde. 
De acordo com a coordenadora do programa de imunização do município, Adriana Izuka, um grande número de pessoas está com a dose de reforço em atraso. A Vigilância Epidemiológica tentou diversas estratégias para incentivar a procura pelas vacinas, mas não obteve o resultado esperado. 
“Os agentes de saúde fizeram busca ativa, ligações telefônicas para pacientes com doses em atraso e ampliaram o horário de atendimento nas UBSs. Houve ainda um trabalho nas creches para a imunização de crianças, mesmo assim a procura está drasticamente baixa. A população precisa entender que é necessário tomar as doses de reforço”, explico Izuka. 
Na tentativa de evitar a perda das vacinas, a Secretaria da Saúde chegou a elaborar um cronograma com remanejamento de doses nas unidades de saúde para que os imunizantes com data próxima ao vencimento fossem utilizados primeiro. Infelizmente a ação não foi suficiente para evitar o prejuízo. 
Por conta da demanda em queda, a Saúde em Foz começou a reduzir a quantidade de pedidos por novas vacinas, enquanto elabora outras mobilizações para conscientizar e atrair a população. 
Conforme um levantamento, atualmente há cerca de 100 mil pessoas na faixa de 40 anos na cidade que podem tomar a quarta dose contra a covid. Entretanto, apenas 30% procurou alguma unidade de saúde. Entre os adolescentes foi registrado apenas 15% de cobertura na dose de reforço. No grupo das crianças há até o momento 60% de cobertura entre a 1ª e 2ª dose. 
O cenário não é exclusivo da fronteira e já está forçando o Governo do Estado a tomar outras iniciativas para elevar o número de imunizações e fazer com que as pessoas completem os quadros de vacinação. Para se ter uma ideia, no momento o Paraná tem quase 200 mil doses de vacina que estão perto do vencimento e podem ir para o descarte nos próximos 30 dias. 
No último boletim epidemiológico divulgado, Foz tinha um total de 295 pessoas positivas para covid, com sintomas leves da doença e cumprindo o isolamento. Outras oito estavam internadas com sinais moderados da infecção. Três mortes foram registradas na semana analisada. 

Da redação
Foto: divulgação PMFI 

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas