Ampliação do Cemitério Jd São Paulo resolverá problema de falta de espaço para sepultamentos


- Por: Redação 1

Ampliação do Cemitério Jd São Paulo resolverá problema de falta de espaço para sepultamentos
Área de reserva será respeitada na ampliação para diminuir os impactos ambientais e visuais 

A ampliação do Cemitério Parque Iguaçu, localizado no bairro Jardim São Paulo, já está em execução e resolverá o problema de falta de espaço para sepultamentos em Foz. O investimento é uma iniciativa da Camis Assessoria, empresa responsável pela administração dos cinco cemitérios da cidade, com apoio da Prefeitura Municipal, que cedeu a área. 
A obra já estava programada desde 2019 e começou a ser executada no início deste ano. Em um espaço de 15.300 m² serão construídas 12 mil gavetas, também chamadas de módulos verticais. Além de ocupar um espaço menor que os túmulos convencionais, este tipo de estrutura é também ecologicamente correto, uma vez que protege o solo de contaminações. 
“O material resultante da decomposição de um corpo pode ser responsável pela proliferação de doenças como poliomielite e hepatite, por conter substâncias tóxicas. No cemitério vertical o corpo não tem contato com o solo, o caixão é deposto sob uma espécie de bandeja impermeabilizante e todos os líquidos e gases são retidos ali até a completa evaporação”, explicou a Camis. 
A ampliação, e outras melhorias que serão realizadas, respeitarão a arquitetura original do cemitério, que tem mais de 50 anos e abriga hoje em torno de 14 mil sepulturas. A área reservada para a construção dos módulos terá 30% da vegetação natural preservada, contribuindo com a manutenção do paisagismo e visando um menor impacto ambiental e visual. 
“Queremos deixar claro para a população que é uma ampliação e não um cemitério novo. A faixa de vegetação que será mantida ficará entre o loteamento que existe na região e a área destinada à construção. Isso impedirá que a visão das casas no entorno seja diretamente do cemitério”, ressaltou a gerente administrativa da Camis, Amanda Camargo.

Nova capela 
Com o objetivo de trazer mais comodidade e segurança à população no momento da despedida dos entes queridos, também será construída uma nova, ampla e moderna capela mortuária no Jardim São Paulo. 
O espaço contará com sala velatória, cozinha, sala de descanso, banheiro com fraldário, espaço infantil, televisão e acesso à rede Wi-fi. A estrutura terá ainda calçada com 100% de acessibilidade para cadeirantes e pessoas com outros tipos de limitações físicas. 
“A intenção é proporcionar maior conforto, atendimento de qualidade e humanizado aos familiares e amigos no momento da despedida de um ente querido. As melhorias na infraestrutura proporcionarão ainda mais proteção, bem-estar e tranquilidade aos familiares e visitantes”, informou a gerente Amanda.

Preocupação ambiental 
A execução das obras de ampliação do Cemitério Parque Iguaçu envolveu um amplo estudo sobre os impactos ambientais e há constante monitoramento dessa questão. Nos últimos dias, moradores das proximidades do cemitério relataram um aumento da presença de moscas nas casas. 
De acordo com os moradores, os insetos popularmente conhecidos como “mosca corcunda” ou “mosca caixão”, começaram a aparecer com maior frequência e em grande quantidade após a derrubada de árvores na área de ampliação do cemitério. 
A Camis Assessoria esclarece que o surgimento das moscas não tem relação com a derrubada das árvores, e que a obra foi autorizada, após um laudo emitido por um fiscal da prefeitura de Foz. 
Uma inspeção realizada pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) detectou que os insetos na região são da espécie Megaselia scalaris, encontrada em todos os tipos de ambientes. Estas moscas se alimentam de matéria orgânica em decomposição, sendo identificadas com frequência em lixo doméstico. 
A Camis ressalta ainda que não haverá retirada de 100% da vegetação na área de ampliação. A derrubada de parte das árvores foi necessária para a construção e teve aprovação dos órgãos ambientais competentes. 

Da redação
Fotos: Camis 

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas