Alunos da Escola Emílio de Menezes participam de atividades no Horto Municipal


- Por: Redação 1

Alunos da Escola Emílio de Menezes participam de atividades no Horto Municipal

Cerca de 100 estudantes da Escola Municipal Emílio de Menezes conheceram nesta segunda-feira, 20, a estrutura e o funcionamento do Horto Municipal de Foz do Iguaçu. Divididos nos turnos da manhã e tarde, os estudantes puderam compreender a inter-relação das espécies de animais, plantas, clima, germinação e desenvolvimento das plantas abrigadas no espaço que preserva fragmentos da Mata Atlântica.
A visita foi marcada por duas atividades: percorrer o Jardim e a Trilha Sensorial, onde os pequenos "caminharam" sobre as copas das árvores e a trilha das sensações, e o caminho pelo “berço” das plantas – a estufa que abriga as espécies e a cisternas que reaproveita água da chuva para o cultivo. 
Isabel Paula da Silva, coordenadora pedagógica que acompanhou as turmas, disse que a visita irá auxiliar no complemento das atividades iniciadas em sala. “Assim os alunos conseguem ter a visão dos cuidados com a natureza, as sensações que o local proporciona, saindo do ambiente teórico da sala de aula para a prática, o que faz toda a diferença no processo pedagógico de ensino-aprendizagem”.
Para a aluna Milena da Silva, do 5° ano, a visita foi marcante. “É um ambiente muito limpo e preservado, que ajuda o meio ambiente. Quem quiser ter uma árvore pode vir buscar e plantar em casa”, disse.
As atividades foram conduzidas pela coordenadora da Divisão de Educação Ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Roseli Barquez; pela Educadora Ambiental do Consórcio Ponte Brasil/Paraguay, Katlin Fernandes, e pela acadêmica de Agronomia Holly Fernanda Nivaldo Nobre, que realiza estágio na Diretoria de Arborização Urbana. 

Mês do Meio Ambiente
As atividades foram correlacionadas à Campanha Integrada Semana do Meio Ambiente – “Uma Só Terra”, promovida pelo Convênio Linha Ecológica da Itaipu Binacional, que distribuiu nos 55 municípios lápis com sementes de árvores nativas para alunos da rede municipal de ensino. Em Foz do Iguaçu, as atividades continuam mesmo depois da entrega dos lápis sementes - cada escola tem usado estratégias de enriquecimento pedagógico aliadas à temática da arborização, sendo o Horto Municipal um dos locais procurados.
“O Horto Municipal é um espaço educador nato, com inúmeras possibilidades de promover momentos de sensibilização relacionados às questões socioambientais, neste sentido, o governo municipal tem como objetivo dar continuidade nos investimentos em suas estruturas em especial no Programa de Educação Ambiental do Horto, Plano de Arborização Urbana e do Plano de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica” disse a secretária ,unicipal de Meio Ambiente, Angela Meira.

AMN

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas