Acidentes de trânsito mataram 19 pessoas e deixaram 585 feridos neste ano em Foz


- Por: Reciel Rocha

Acidentes de trânsito mataram 19 pessoas e deixaram 585 feridos neste ano em Foz
Motociclistas ainda são as maiores vítimas fatais no trânsito; ultrapassagens proibidas e excesso de velocidade são agravantes 

Dezenove pessoas morreram vítimas de acidentes de trânsito neste ano em Foz do Iguaçu. Dados da Polícia Militar revelam que a maioria das vítimas ainda são os motociclistas, seguidos pelos pedestres e ocupantes de veículos leves. Além das mortes as equipes atenderam 2.279 acidentes, que resultaram em 585 pessoas feridas. 
Um levantamento do Corpo de Bombeiros aponta que a maioria das vítimas fatais são homens na faixa etária dos 20 aos 29 anos. Boa parte deles era piloto de motocicleta ou estava na garupa de uma quando perdeu a vida. 
As colisões do tipo auto x auto e auto x moto são os acidentes mais comuns no perímetro urbano de Foz. As ocorrências estão espalhadas por diversas vias do município. Diversos tipos de situações, como ultrapassagens proibidas, excesso de velocidade, consumo de bebida alcoólica, desrespeito a sinalização e uso de celular e outros eletrônicos são as principais causas de fatalidades no trânsito iguaçuense. 
Na noite do último sábado (9), uma colisão envolvendo um automóvel Golf e uma van de turismo mobilizou equipes do Corpo de Bombeiros. O acidente aconteceu no cruzamento da Avenida das Cataratas com a Rua Bento Munhoz da Rocha, na região do bairro Vila Yolanda.  Um dos motoristas foi socorrido com diversos ferimentos e encaminhado à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do Morumbi. 
Poucas horas antes um motociclista havia sido atendido pelo SIATE (Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência) na mesma via. Segundo informações, ele bateu contra um carro quase em frente ao Hotel Carimã e foi arremessado. A vítima teve uma fratura exposta na perna e foi encaminhada ao Hospital Municipal. 

Da redação
Fotos: Tribuna Popular

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas