Governo do Estado e Prefeitura investem R$ 15,7 milhões na pavimentação asfáltica


- Por: Reciel

Governo do Estado e Prefeitura investem R$ 15,7 milhões na pavimentação asfáltica

O plenário da Câmara Municipal de Foz do Iguaçu recebeu ao final da tarde de ontem (19) a visita do governador Beto Richa (PSDB). A presença do chefe do Executivo do Paraná se deu em razão da assinatura do convênio celebrado entre Estado e Prefeitura para contratação de R$ 15,7 milhões em obras de pavimentação asfáltica. Acompanhado por secretários de Estado, gerentes regionais e autoridades políticas e militares, Richa detalhou a imprensa local a motivação de sua vinda à Terra das Cataratas. Estamos nesse momento liberando um importante recurso para pavimentação asfáltica de Foz do Iguaçu. São R$ 10 milhões por parte do Governo do Estado somada a contrapartida do Município de R$ 5,7 milhões. Todo este volume de recurso irá atender 57 vias públicas distribuídas em 16.  Para se ter uma idéia, ao longo do nosso mandato, ao longo destes 6,5 anos, liberamos, somente para pavimentação asfáltica de Foz do Iguaçu, mais de R$ 50 milhões, destacou Beto Richa ao lado do vice-prefeito Nilton Bobato (PCdoB). O governador destacou em sua fala ainda a importância da parceria firmada entre Estado e Município. Além do atendimento ao Hospital Municipal, com R$ 6,5 milhões por mês para garantir o seu funcionamento e atendimento de qualidade para Foz e região, fizemos também o viaduto da avenida Paraná, investimentos em Educação, muitos investimentos em Segurança Pública, enfim, em todas as áreas. Essa parceria se consolida mais uma vez, se estreita, se fortalece com esses investimentos que estamos fazendo. Uma parceria de respeito e republicana com a Prefeitura de Foz do Iguaçu, completou. De acordo com o vice-prefeito, os trabalhos estão previstos para serem iniciados já a partir de outubro. A licitação começa imediatamente. Já cumprimos todos os prazos determinado pelo Governo do Estado, que foi o processo de audiência pública, a documentação e apresentação de projetos. Ainda resta uma pequena situação para se resolver em relação ao projeto de calçadas, mas isso será equacionado nos próximos dias para ser iniciado já no mês de outubro, informou. Nilton Bobato pontuou ainda que as obras serão dividas em três lotes e que o Município ainda carece de mais recursos para resolver toda demanda por pavimentação. São três lotes que serão licitados e executados de forma conjunta. Vale lembrar que esse investimento de R$ 15,7 milhões não resolve todo o problema de pavimentação asfáltica do município. Apenas uma parte. Temos outros projetos em andamento e também articulamos junto ao Governo do Estado um novo projeto que esperamos a liberação de mais R$ 8 milhões ainda neste ano. Paralelo a isso trabalhamos em torno das obras paralisadas em razão da Operação Pecúlio e aguardamos o processo final da nossa Usina de Asfalto, concluiu. (Bruno Soares – reportagem / Fotos: Robson Meireles)

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas