Estado vai repassar R$ 1,7 milhão por mês para o hospital Municipal

14ª edição do Festival das Cataratas deve bater recorde de participantes
11 de junho de 2019
Foz do Iguaçu receberá evento para discutir inteligência e inovação na gestão pública
11 de junho de 2019

A Prefeitura e o Governo do Estado chegaram a um consenso e retomaram a parceria para repasses ao Hospital Padre Germano Lauck, o Hospital Municipal de Foz do Iguaçu. A informação é do prefeito Chico Brasileiro. Desde dezembro do ano passado, quando encerrou o convênio firmado após a intervenção, a unidade de saúde não recebia apoio financeiro estadual. Município está contratando médicos aprovados em concurso para atuar nas Unidades Básicas de Saúde (UBS).

“Sentimos muitas dificuldades, por que não existia sequer previsão de repasses para o Hospital Municipal. Agora existe um acordo que vai ser cumprido a partir do mês de junho”, disse Brasileiro ao Meio Dia Paraná da RPC nesta segunda-feira (10). “Existe o compromisso e o importante é que este compromisso agora está firmado”, reforçou ao apresentador Anderson Frigo.

Brasileiro afirmou que o atraso na volta dos repasses é uma situação normal, uma vez que aconteceu no início do governo, período em existem “dificuldades” no governo, até operacionalizar a máquina pública. “Não me sinto traído”, frisou ao comentar o período. Na campanha eleitoral de 2018, o governador Ratinho Junior assegurou que manteria a parceria.

“O acordo prevê repasse em torno de R$ 1,7 milhão, que será repassado mensalmente para UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) e atendimentos de urgência, além da “busca, através do governo federal, do Hospital de Ensino”. Esta parceria, segundo Brasileiro, pode resultar no ingresso de aproximadamente R$ 1 milhão por mês à unidade de saúde.

Ronildo Pimentel

Foto: Roger Meireles

 

Share

Leia mais sobre este conteúdo e outras informações na edição impressa.

GDIA