Vereadora requer informações sobre serviço de oxigenoterapia pelo SUS

Julgamento virtual de recurso de Lula no STF começou nesta sexta-feira
5 de maio de 2018
5 de maio de 2018

Vereadora requer informações sobre serviço de oxigenoterapia pelo SUS

A vereadora Inês Weizemann (PSD) entrou com requerimento, aprovado na quinta-feira (3) pela Câmara Municipal, cobrando do Poder Executivo sobre o atendimento de oxigenoterapia hiperbárica em Foz do Iguaçu. Ela adotou a providência após receber reclamações de usuários do SUS. Inês, que esteve por 11 meses como gestora da Secretaria de Saúde, disse que o serviço vinha sendo prestado, porém o contrato com a empresa conveniada estava vencendo. “No fim de 2017, a Secretaria de Saúde estava retificando o Termo de Referência para a contratação do serviço de atendimento hiperbárico. Na época, o contrato com a empresa que faz o atendimento aqui na cidade estava vencendo e era necessário dar continuidade ao serviço. Porém, recentemente, fui informada pelo filho de uma paciente que já passou por tratamento, que o material para os curativos – que são especiais – não vem sendo repassado e que os custos superam R$ 800 por mês, chegando a R$ 1000 mensais, somando o valor dos remédios”, relatou Inês Weizemann. (Elson Marques Freelancer/ Foto: Sociedade Brasileira de Medicina Hiperbárica)

 

Share

GDIA