Venda irregular de placas padrão Mercosul em Foz do Iguaçu é investigada pelo Detran

Paraguaio Cubas patrocina espetáculo dantesco no Senado da República
13 de abril de 2019
13 de abril de 2019

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PR) investiga uma empresa de São Miguel do Iguaçu, por produzir e comercializar em Foz do Iguaçu placas automotivas do modelo padrão do Mercosul. A estampadora supostamente estaria descumprindo a resolução que trata da fabricação e colocação dos acessórios de identificação dos veículos. A informação foi confirmada pela 16ª circunscrição regional de trânsito (Ciretran).
A adoção das placas do Mercosul foi estabelecida em 2014. Desde então, o prazo final para implantação tem sido adiado, em função da polêmica, especialmente no Brasil. O último adiamento aconteceu no dia 28 de dezembro de 2018, durante reunião do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). A nova data será 30 de junho de 2019.
No Brasil, a confecção e a estamparia das Placas de Identificação do Mercosul está disposto na resolução 729 do Contran. No Paraná, pela portaria 59 do diretor-geral do Detran. O órgão abriu investigação após receber denúncias e flagrar vários pares de placas sendo colocados ao ar livre, em desacordo com as normas.

Ronildo Pimentel / Foto: Divulgação

Share

Leia mais sobre este conteúdo e outras informações na edição impressa.

GDIA