Entidades querem transparência da nova Mesa Diretora da Câmara

Itaipu: Produção de 2018 corre para ultrapassar energia gerada em 2017
27 de dezembro de 2018
Secretaria de Assistência Social ganha destaque com retomada de serviços
27 de dezembro de 2018

Entidades querem transparência da nova Mesa Diretora da Câmara

O Observatório Social de Foz do Iguaçu (OSFI) e mais 19 entidades civis de diversas áreas de atuação do município publicaram ontem (26) um manifesto público em que se colocam à disposição da nova Mesa Diretora da Câmara de Vereadores que assumirá a gestão da Casa de Leis pelo próximo biênio 2019/2020 a partir de 1º de janeiro.
No documento, assinado pelos respectivos representantes das entidades, destaca-se a preocupação do grupo em afastar a imagem negativa atribuída ao Legislativo desde a prisão de 13 dos 15 parlamentares, registrado em dezembro de 2016, durante deflagração da 5º etapa da “Operação Pecúlio”.
“Após a cidade ter sofrido com as recentes acusações de envolvimento do ex-prefeito e de quase todos os vereadores da legislatura anterior em crimes contra o patrimônio público, gerando repercussão negativa em âmbito nacional, vários movimentos oriundos da sociedade civil e dos órgãos públicos competentes surgiram com o objetivo de combater tal situação”, inicia.

(Da Redação / Foto: Divulgação)

Share

Leia mais sobre este conteúdo e outras informações na edição impressa.

GDIA