Prefeitura recebe devolução de R$ 4,7 milhões economizados pela Câmara

Programação do Natal de Foz do Iguaçu segue com muita diversidade cultural
15 de dezembro de 2018
Vermelho reafirma compromisso com as bandeiras defendidas pela Acifi
15 de dezembro de 2018

Prefeitura recebe devolução de R$ 4,7 milhões economizados pela Câmara

Com as medidas de corte de gastos e o fim das mordomias, a Câmara Municipal de Foz do Iguaçu economizou R$ 4,7 milhões em 2018. O montante foi devolvido ao Executivo em um ato de prestação de contas realizado nesta sexta-feira (14) pela mesa diretora presidida pelo vereador Rogério Quadros (PTB) e com a presença do prefeito Chico Brasileiro (PSD), do vice Nilton Bobato (PCdoB), secretários e representantes da sociedade civil organizada. O valor economizado será destinado às demandas de melhorias na cidade, principalmente nas áreas de maior interesse social como saúde, educação e segurança pública. Nos dois anos de gestão da mesa diretora foram devolvidos à prefeitura R$ 8,1 milhões.
Na prestação de contas, Rogério Quadros mostrou estatísticas comprovando o recorde de atividades dos vereadores nestes dois anos da atual legislatura. O comparativo ilustra o aumento da produtividade nos trabalhos da casa. Em 2016 foram 143 reuniões plenárias subindo para 183 no ano passado e 190 neste ano (até o momento). A quantidade de projetos dobrou saindo de 100 em 2016 para 199 no ano seguinte e neste ano foram apresentados 178. O número de proposições como requerimentos e indicações também aumentou de 1216 em 2016 para 2455 em 2017. Neste ano já são 2438 proposições ainda faltando uma semana para conclusão dos trabalhos.

(Da redação com assessoria/CMFI)

Share

Leia mais sobre este conteúdo e outras informações na edição impressa.

GDIA