Paraguai pedirá que Brasil cancele concessão de refúgio a três homens

Iguaçuense é contratado para jogar na Liga Nacional da Rússia
10 de janeiro de 2019
Foz do Iguaçu FC anuncia reforços para o estadual, Copa do Brasil e Série D
10 de janeiro de 2019

Paraguai pedirá que Brasil cancele concessão de refúgio a três homens

O governo do Paraguai vai pedir ao Brasil o cancelamento, a revogação e a cessação do estatuto de refugiado concedido a Juan Arrom, Anúncio Martí e Victor Colman. Os três foram processados pela Justiça paraguaia pelo sequestro de uma mulher há quase 18 anos.

O vice-ministro das Relações Exteriores, Hugo Saguier(foto), anunciou a decisão ontem (9) depois se de reunir com o presidente paraguaio, Mario Abdo Benítez. Saguier que o Paraguai aguardava a posse do presidente Jair Bolsonaro para entrar com a solicitação. Hoje (10) ele se encontrará em Brasília com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e entregará o pedido do governo paraguaio.

A concessão do estatuto de refugiado é dada pelo Comitê Nacional para Refugiados (Conare), órgão ligado ao Ministério da Justiça e Segurança. “Verificou-se que os refugiados violaram as normas internas brasileiras”, afirmou o vice-chanceler.

(Agência Brasil /Foto:IP/Agencia de Información Paraguaya)

Share

Leia mais sobre este conteúdo e outras informações na edição impressa.

GDIA