Operação Yaboti combate a caça e a pesca ilegais no Parque Nacional

18 de julho de 2018
VisitIguassu apresenta balanço das ações realizadas no primeiro semestre
18 de julho de 2018

Operação Yaboti combate a caça e a pesca ilegais no Parque Nacional

 

 

Distintas forças policiais com apoio do ICMBIO estão intensificando o combate aos crimes ambientais no Parque Nacional do Iguaçu, praticados por caçadores, pescadores e palmiteiros. Na manhã desta terça-feira (19) agentes da Polícia Federal e soldados do Batalhão de Fronteira deflagraram a Operação Yaboti e cumpriram seis mandados de busca e apreensão em locais suspeitos, que serviam como base de caça a pesca predatórias no interior da reserva. Na primeira etapa das buscas foram vistoriadas propriedades em Pranchita e Santo Antonio do Sudoeste, municípios lindeiros ao parque. Em poucas horas foram presas quatro pessoas por suspeita de caça predatória na reserva. Também foram apreendidas sete armas de fogo e 50 munições de calibres diversos, que seriam utilizados para abater animais silvestres. (Adelino de Souza Freelancer/Foto: Divulgação)

 

 

Share

GDIA