Operação Ágata fecha o cerco aos crimes transfronteiriços

Conheça mais sobre os novos patrimônios culturais do Brasil
25 de setembro de 2018
Ibope: Bolsonaro tem 28%, Haddad,  22%; Ciro, 11%; e Alckmin, 8%
25 de setembro de 2018

Operação Ágata fecha o cerco aos crimes transfronteiriços

Começou  ontem(24) mais uma  Operação Ágata Graal. O objetivo da ação é intensificar a presença do Estado na região de fronteira. A operação consistirá de ações de controle de tráfego de ilícitos na área de operações. A área, segundo o comunicado, tem uma extensão de aproximadamente 3.500 km, ao longo da fronteira dos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina e do Paraná. Seria uma extensão similar à fronteira entre os EUA e o México, sugere a nota à imprensa.

Ainda de acordo com o Comando Conjunto, a operação iniciada não tem prazo definido para seu término e conta com a participação de tropas da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira, atuando em coordenação com os Órgãos de Segurança Pública e de Fiscalização, tais como o Departamento de Polícia Federal, Departamento da Polícia Rodoviária Federal, Secretaria da Receita Federal do Brasil e Polícias Civil e Militar desses estados.

(Da Redação /Foto: Roger Meireles/arquivo)

Share

GDIA