OEA se reúne pela 3ª vez para discutir violência na Nicarágua

Excelência em serviços depende de estratégia de negócios e planejamento
19 de julho de 2018
Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai fiscalizar uso de dinheiro nas eleições
19 de julho de 2018

OEA se reúne pela 3ª vez para discutir violência na Nicarágua

A Organização dos Estados Americanos (OEA) se reúniunesta quarta-feira (18) pela terceira vez em duas semanas, para discutir a escalada da violência na Nicarágua. Cerca de 300 pessoas morreram em três meses de protestos contra o governo: nos últimos dias, as forças de segurança e grupos paramilitares, simpatizantes do presidente Daniel Ortega, realizaram “operações de limpeza”, para recuperar universidades ocupadas por estudantes e derrubar barricadas, erguidas em várias cidades do pais. A última delas, na terça-feira (17), na cidade de Massaya, resultou na morte de pelo menos três civis e um policial. O chefe da polícia de Massaya, Ramón Avellán, disse que estava cumprindo a ordem (de limpeza) do presidente e de sua mulher, Rosario Murillo, que também e vice-presidente. “Vamos cumpri-la, custe o que custar”, afirmou. (Monica Yanakiew – Repórter da Agencia Brasil / Foto:Jorge Torres/Agência EFE/)

Share

GDIA