Obra da usina Baixo Iguaçu encerra mais uma etapa

Projeto cria regras para pagamento de licença prêmio aos servidores
20 de julho de 2018
Morador de Foz e instituições de Curitiba ganham principais prêmios do Nota Paraná
20 de julho de 2018

Obra da usina Baixo Iguaçu encerra mais uma etapa

Uma parte da água do Rio Iguaçu já está passando pelas comportas do vertedouro da futura hidrelétrica Baixo Iguaçu. O consórcio construtor da obra, formado por Copel e Neoenergia, iniciou nesta semana a remoção das “ensecadeiras”, barreiras de rocha e terra que isolam o empreendimento para permitir a construção da casa de força e de parte do vertedouro. Investimento de R$ 1,6 bilhão, a usina fica entre os municípios de Capanema e Capitão Leônidas Marques, no Sudoeste do Paraná, e se encontra em fase final de execução. As ensecadeiras funcionaram como barreiras temporárias para conter a água em um trecho do leito do rio junto à margem esquerda, pertencente ao município de Capanema. A partir de agora, toda a água do Rio Iguaçu será gradativamente forçada a passar pelas 16 comportas do vertedouro, permitindo que o consórcio construa a parte restante da barragem, na margem direita, em Capitão Leônidas Marques. (AEN /Fotos: AEN)

Share

GDIA