Ministério Público arquiva inquérito sobre gratificações no Legislativo

Foz do Iguaçu recebe o Congresso Nacional do Trigo neste domingo
22 de setembro de 2018
Hotel das Cataratas completa 60 anos e ganha apresentação da Filarmônica de Londres
22 de setembro de 2018

Ministério Público arquiva inquérito sobre gratificações no Legislativo

O Ministério Público decidiu pelo arquivamento de um inquérito civil que apurou denúncias de supostas irregularidades na concessão de gratificação para servidores de carreira na Câmara Municipal. O promotor Marcos Cristiano Andrade(foto), da 6ª Promotoria de Justiça da Comarca concluiu que não houve irregularidades, pois os atos assinados pelo presidente da casa, Rogério Quadros (PTB) atenderam aos preceitos legais.

Pelos apontamentos que chegaram ao MP, em tese, servidores estariam recebendo gratificações por encargos especiais sem a devida contraprestação. Outra questão seria o pagamento de licenças-prêmio em pecúnia. Conforme divulgou a promotoria, a abertura do inquérito baseou-se no teor de um relatório subscrito por Alexandro Rodrigo Fernandes então diretor geral do Legislativo (atualmente exonerado do cargo). O relatório foi reforçado por ofício enviado ao MP pelos vereadores Marcio Rosa (PSD), Celino Fertrin (PDT) e Elizeu Liberato (PR).

(Da redação / Foto: Divulgação)

Share

GDIA