Limite para fila de espera na saúde ainda depende de parecer na Câmara

Aluna da UNILA conta com a companhia do pai, que voltou a estudar
14 de maio de 2018
Anunciada para fevereiro, inauguração do CER IV é prorrogada para junho
14 de maio de 2018

Limite para fila de espera na saúde ainda depende de parecer na Câmara

Ainda depende de parecer das comissões da Câmara o projeto de lei do vereador João Miranda (PSD) que estabelece limites para tempo de espera na fila da saúde. Pela proposta o máximo deve ser de 15 dias para exames médicos, 30 dias para consulta, 60 dias para cirurgias eletivas e de três dias para consulta para idosos, debilitados (valetudinários), portadores de necessidades especiais e gestantes, quando não for o caso de internamento imediato. O projeto foi apresentado no final do ano passado e em março foi tema de audiência pública com participação de gestores e profissionais da área da saúde do município. A Comissão de Legislação, Justiça e Redação solicitou que se fizesse a audiência para verificar viabilidade e possíveis adequações antes que o projeto seja aprovado pelo plenário e se transforme em lei municipal. (Elson Marques Freelancer / Foto: Divulgação)

Share

GDIA