Limite de espera na fila da saúde só terá efeitos daqui a um ano

Foz do Iguaçu não pode se ausentar da implantação das lojas francas
15 de junho de 2018
15 de junho de 2018

Limite de espera na fila da saúde só terá efeitos daqui a um ano

A lei que limita tempo de espera na fila da saúde poderá entrar em vigor nos próximos dias, mas os efeitos práticos só daqui a um ano. Reconhecendo as razões do Executivo pela dificuldade de atender de imediato aos prazos, os vereadores aprovaram uma emenda ao texto original estabelecendo o prazo de 12 meses para a prefeitura se adequar às normas. A íntegra do projeto passou ontem (14) em primeira, devendo na próxima semana ser aprovado em segunda discussão para então seguir para sanção do prefeito Chico Brasileiro (PSD). A iniciativa do vereador João Miranda define o máximo de 15 dias para exames médicos, 30 dias para consulta, 60 dias para cirurgias eletivas e de três dias para consulta para idosos, pessoas debilitadas, portadores de necessidades especiais e gestantes, quando não for o caso de internamento imediato. (Elson Marques Freelancer /Foto: Divulgação)

Share

GDIA