Kia é condenado a mais de 27 anos de prisão por assassinato de jovem no Portal da Foz

Foz perde para o Cascavel CR em pleno estádio ABC
31 de janeiro de 2019
Comece já sua rotina de treinos tendo uma academia em casa
31 de janeiro de 2019

Ezequias Raimundo de Meira, conhecido como Kia, foi condenado em júri popular a 27 anos e seis meses de prisão em regime fechado pelos crimes de homicídio qualificado e organização criminosa. O julgamento ocorreu nessa terça-feira (29) e durou mais de dez horas.
Segundo o Ministério Público, Kia foi o responsável pela morte do jovem Wellington Guedes Ferreira, de 21 anos. O crime ocorreu no bairro Portal da Foz em janeiro de 2017. A vítima foi executada com vários tiros de pistola calibre 380mm. Conforme as investigações, Ferreira foi morto porque teria se recusado a guardar em sua casa armas de fogo que pertenciam a uma organização criminosa liderada por Ezequias.
Kia é considerado um criminoso de alta periculosidade. Além do homicídio, ele responde também por outros crimes como receptação, roubo e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Segundo a polícia, o homem também era o chefe de uma quadrilha que aterrorizava moradores no Portal da Foz.

Da Redação / Foto: Tribuna Popular

Share

Leia mais sobre este conteúdo e outras informações na edição impressa.

GDIA