Dono de Churrascaria em Santa Rita (PY) é encontrado morto

PRF flagra 10 crianças sem cadeirinha por dia no feriado de ano novo
2 de janeiro de 2018
Itaipu inicia trabalho para receber mais de 1 milhão de visitantes neste ano
3 de janeiro de 2018

Dono de Churrascaria em Santa Rita (PY) é encontrado morto

Um comerciante brasileiro de 62 anos de idade foi torturado e assassinado na cidade de Santa Rita, no Paraguai. Seu corpo foi encontrado na manhã de segunda-feira, 1º de janeiro, dentro de um veículo. O cadáver apresentava três perfurações por arma de fogo, além de queimaduras e golpes de objeto contundente, o que demonstra que a vítima foi torturada. O corpo foi identificado como sendo de Leo Scholl, proprietário da Churrascaria Costelão, localizada no bairro Alejandrino daquela cidade paraguaia. Segundo informações da Polícia Nacional, divulgadas pelo jornal ADN Paraguayo, o corpo foi encontrado no banco traseiro de seu veículo, um GM Corsa, de cor vinho, de placas paraguaias ASX-007, na entrada da localidade Curva de La Potencia, na direção de Pinambi, área rural de Santa Rita. (Da redação/Foto: Divulgação)