Idgar Dias Júnior

23 de setembro de 2017

Opinião

Bom dia, leitor!
‘Carpe diem’!
– Hoje, dia 23 de setembro, é o ‘Dia Nacional do Sorvete’ (com este calor todo, hein?);
– Hoje comemora-se o ‘Dia do Técnico Industrial’, ‘Dia do Soldador’ e ‘Dia do Filho’;
– Nesta data, em 1940, nasceu o presidente da República Michel Temer.

Recordar é viver
Reza a lenda que certa vez o falecido jornalista Paulo Francis teria afirmado que ‘o povo não sabe bem o que quer, mas o povo também sabe bem o que não quer mais’. Agora veja um editorial recente do jornal ‘O Estado de São Paulo’:
“Fora do mundo da fantasia, tudo sugere que após a delação de Antônio Palocci e de seu próprio depoimento, pela segunda vez, perante o juiz Sergio Moro, quando se mostrou irritadiço e às vezes inseguro, num desempenho inconvincente, Lula talvez esteja começando a se convencer de que o melhor papel que poderá interpretar daqui para a frente será o de mártir.
Poderá contar sempre, é claro, com a devoção daqueles em quem desperta a fé cega. Mas, se o caos político que ele legou ao País deixou muitos brasileiros perplexos quanto ao futuro, pelo menos ajudou-os a saber exatamente o que não querem mais”.

Mas não é só ele
Quem acha que é só Lula que padece do mal da rejeição do eleitorado se engana. Michel Temer é campeão isolado neste quesito. Pesquisa eleitoral recente mostra que os cinco primeiros colocados para as eleições de 2018 para a presidência da República têm todos pelo menos 50% de rejeição.

Deu ruim
A Petrobras vai ser acionada com uma arbitragem coletiva por um grupo de acionistas minoritários, fundos de pensão e de investimentos que se sentiram lesados em razão das informações a respeito de sua situação financeira e das medidas internas de combate à corrupção nos tempos escandalosos do mensalão e petrolão. Essas informações seriam falsas. Mais uma dor de cabeça com indenizações por perdas a serem resolvidas pela estatal na Bovespa.
Detalhe: à frente da arbitragem estará o escritório do renomado jurista Modesto Carvalhosa, o homem do ‘performance bond’, assunto já tratado aqui na coluna (uma espécie de seguro para obras públicas que é utilizado em países desenvolvidos há mais de século).

Deu bom
Segundo o portal da ‘Veja’, o CEO da gigante Statoil (Noruega) Eldar Saetre afirmou que ‘vai jorrar petróleo no Brasil’ em breve. É que depois de anos, a venda de ‘blocos de exploração de petróleo voltará a ocorrer a partir do próximo dia 27. Serão três rodadas de leilões em um mês, dois de campos do pré-sal. O governo espera arrecadar cerca de R$ 8 bilhões nas concorrências’.

Deu melhor ainda
E se para o governo federal os leilões dos blocos de exploração de petróleo são boa notícia, para o estado do Rio é melhor ainda, posto que esses leilões representam ‘uma injeção de ânimo no combalido caixa federal e uma boia de salvação para o Rio de Janeiro, onde 30% da economia gira em torno do chamado ouro negro’.

WhatsApp
Nascemos sem trazer nada, morremos sem levar nada.
E, no meio do intervalo entre a vida e a morte, brigamos por aquilo que não trouxemos e que não levaremos.
Pensemos nisto: vivamos mais, amemos mais, perdoemos sempre e sejamos mais felizes.

E já é sábado de novo, leitor!
Que se confirmem as expectativas boas para hoje, amanhã e sempre!
Sorte e saúde a todos por toda a vida.

22 de setembro de 2017

Opinião

Bom dia, leitor! ‘Carpe diem’! – Hoje, dia 22 de setembro, a partir das 17h00 começa a primavera! – Hoje comemora-se o ‘Dia do Contador’. – […]
21 de setembro de 2017

Opinião

Bom dia, leitor! ‘Carpe diem’! – Hoje, dia 21 de setembro, comemora-se o ‘Dia da Árvore’ e o ‘Dia do Radialista’; – A Igreja Católica comemora […]
20 de setembro de 2017

Opinião

Bom dia, leitor! ‘Carpe diem’! – Hoje, dia 20 de setembro, comemora-se o ‘Dia do Engenheiro Químico’. – Nesta data, em 1835, iniciou-se a Revolução Farroupilha […]