Concluídas audiências do ex-prefeito de Foz do Iguaçu na Operação Pecúlio

Polícia Ambiental prende 14 pessoas por caça ilegal no Parque Nacional
1 de novembro de 2018
1 de novembro de 2018

Concluídas audiências do ex-prefeito de Foz do Iguaçu na Operação Pecúlio

A 3ª Vara Criminal da Justiça Federal concluiu, nesta semana, a série de audiências com o ex-prefeito de Foz do Iguaçu, Reni Pereira, investigado na Operação Pecúlio da Polícia Federal (PF). Reni, que poderia se manter calado, optou por responder praticamente todas as perguntas formuladas pelo Ministério Público Federal (MPF). O ex-prefeito deverá retornar em breve para mais uma audiência relacionada à Operação Nipoti.

A Operação Pecúlio da PF, foi deflagrada em 16 de abril de 2016 e teve seis desdobramentos que resultaram em duas ações penais na Justiça Federal com 149 réus – 34 deles citados nas duas. Além de empresários, foram alvos secretários, diretores e servidores do Executivo. O esquema tinha ramificações na Câmara Municipal, que motivaram a prisão de 12 dos 15 vereadores.

A juíza da 3ª Vara Criminal, Flávia Hora de Oliveira Mendonça, programou quatro audiências para interrogar o ex-prefeito de Foz do Iguaçu. A primeira e a segunda ocorreram quinta e sexta-feira (25 e 26 de outubro). A série foi concluída esta semana na segunda e terça-feira (29 e 30 de outubro, respectivamente).

(Ronildo Pimentel /Foto: Divulgação)

Share

GDIA