Brincar, jogar, dançar: como movimentar-se pode ajudar a saúde

Aberta licitação para construção de galerias  pluviais do Distrito Industrial
29 de setembro de 2018
Câmara recebe prestação de contas e verificação de metas da Prefeitura
29 de setembro de 2018

Brincar, jogar, dançar: como movimentar-se pode ajudar a saúde

Realizar uma prática corporal de forma regular gera benefícios que vem desde o convívio social até a melhora da saúde, influenciando positivamente na qualidade de vida e sensação de bem-estar da população.

“Podemos destacar: a melhora da autoestima, redução do isolamento social, alívio do estresse, diminuição da depressão, melhora da autoimagem, aumento do bem-estar físico e mental e melhora da função pulmonar, dentre outros. Uma vez incorporadas à rotina diária dos indivíduos, as práticas corporais também promovem o aumento da condição de saúde,” explica a diretora de Promoção à Saúde da Secretaria de Saúde de Minas Gerais, Daniela Souza Lima Campos.

“Entendemos como Atividade Física todo e qualquer movimento corporal produzido pela musculatura que resulte num gasto de energia acima do nível de repouso. Através dos jogos e brincadeiras, as crianças desenvolvem a linguagem, o pensamento, a socialização, a iniciativa e a autoestima. Enquanto os adultos se beneficiam, uma vez que essas atividades estão ligadas à capacidade de imaginar, muito importantes para o equilíbrio mental”, explica.

(Saúde Brasil /Fotografia: Divulgação)

Share

GDIA