Cúpula do governo de Beto Richa e empresários são presos em duas operações.

Governadora e presidente do Paraguai discutem construção da segunda ponte
11 de setembro de 2018
11 de setembro de 2018

Cúpula do governo de Beto Richa e empresários são presos em duas operações.

Em operações distintas, realizadas pelo GAECO e Polícia Federal, foram expedidos vários mandatos de prisão e investigações em diversos locais. Beto Richa é alvo de operações do Ministério Público do Paraná (MP-PR) e da Polícia Federal (PF), na 53ª etapa da Lava Jato. Foram, expedidos, também, mandados de prisão para, Fernanda Richa ex-secretária da Família e Desenvolvimento Social; Deonilson Roldo, ex-chefe de gabinete do ex-governador; Pepe Richa, irmão de Beto e ex-secretário de Infraestrutura; Ezequias Moreira ex-secretário de cerimonial; Luiz Abib Antoun; parente do ex-governador; Edson Casagrande, ex-secretário de Assuntos Estratégicos; Celso Frare, empresário da Ouro Verde; Aldair W. Petry, Dirceu Pupo, contador; o empresário Joel Malucelli, Emerson Cavanhago, Robinson Cavanhago, Túlio Bandeira e André Felipe Bandeira. Leia mais durante o período, ou na edição impressa de amanhã, do jornal Gazeta Diário.

Share

GDIA