Argentina é goleada pela Croácia e se complica na Copa do Mundo

21 de junho de 2018
Parque das Aves anuncia programação especial para crianças
22 de junho de 2018

Argentina é goleada pela Croácia e se complica na Copa do Mundo

Não foi desta vez que a Argentina venceu a primeira na Copa do Mundo. No último jogo de quinta-feira (21), no Estádio de Nizhny Novgorod, o time comandado por Jorge Sampaoli perdeu por 3 a 0 para a Croácia no Grupo D. Com a vitória, os croatas foram a seis pontos e garantiram a vaga nas oitavas de final.
Logo após o encerramento da partida, brasileiros de várias regiões iniciaram uma comemoração, zoando os vizinhos da América do Sul, especialmente o ídolo Messi, que na partida ficou abaixo da crítica. Em Foz do Iguaçu muitos moradores e visitantes cantaram paródias e vibraram. Com a derrota, a Argentina ocupa a terceira colocação no Grupo D, com apenas um ponto somado em dois jogos — mesma pontuação da Islândia, que enfrenta a Nigéria nesta sexta-feira.
As duas equipes voltam a campo na terça-feira (26). Os sul-americanos decidem a classificação contra a Nigéria, enquanto os europeus pegam a Islândia.

França garante classificação
A França venceu ontem (21) o Peru por 1 a 0 e é mais uma seleção classificada antecipadamente. A vitória dá tranquilidade ao time comandado por Didier. Ontem, soube defender-se na hora em que precisou. O Peru está eliminado e só cumpre tabela na próxima semana. Portanto já estão classificados para a próxima fase: França, Rússia, Uruguai e Croácia.
Austrália e Dinamarca ficaram no 1 a 1. Com o empate, a Dinamarca chega aos quatro pontos e assume a liderança do Grupo C. A Austrália soma seu primeiro ponto e ainda tem chances de classificação para as oitavas.

Brasil
O técnico Tite anunciou ontem (21) a escalação da seleção brasileira que enfrentará a Costa Rica, em São Petersburgo, às 12 horas. Danilo, com lesão, pode ser substituído por Fagner. O Brasil jogará com: Alisson, Danilo (Fagner), Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho e Philippe Coutinho; Willian, Neymar e Gabriel Jesus. Thiago Silva usará a braçadeira de capitão, mantendo o rodízio adotado por Tite. (DM Esportes /Foto: Antônio Serpa)

 

Share

GDIA