Andes Linhas Aéreas começa operar voos internacionais em Foz do Iguaçu
18 de junho de 2018
18 de junho de 2018

Ebulição em Foz
Nesta semana, apesar de a Copa do Mundo, devem surgir lances emocionantes na política local. Novas ações devem entrar na pauta do Ministério Público. A Câmara também terá mais trabalho porque outros pedidos de informações deverão surgir.

 

Brasil x Suíça
Apesar de ter jogado razoavelmente bem, o Brasil empatou com a Suíça. O árbitro validou o gol de empate suíço, marcado de forma totalmente ilegal. Isso nos faz pensar: para que aquele monte de árbitro vendo lances ilegais nos vídeos, se o árbitro de campo faz o que quer?

 

“Chucrutes” amarelaram
E o México conseguiu bater a poderosa Alemanha em jogo emocionante. Os “chucrutes” não são mais aqueles. Saíram do campo com cara de quem comeu cebola azeda, todos de cara feia, enquanto os mexicanos comemoraram.

 

La bela no banco dos réus
A nossa bela senadora Gleisi Hoffmann e seu marido, Paulo Bernardo, serão julgados amanhã (19) pela segunda turma do STF. Ela é acusada de receber R$ 1 milhão do esquemão da Petrobras para sua campanha ao Senado em 2010. O deputado Nelson Meurer já foi julgado e pegou 13 anos de prisão. Veremos se a bela terá o mesmo destino.

 

Ficou barato
Graças ao acordo de colaboração premiada, o ex-diretor do DER Nelson Leal Junior se livrou de uma pena de 30 anos de reclusão. Ele vai perder seu apartamento em Camboriú, avaliado em R$ 2,5 milhões, e outro em Curitiba, no valor de R$ 850 mil. Além disso, cumprirá prisão domiciliar com tornozeleira pelo prazo de um ano; em seguida ficará dois anos em regime aberto, sob monitoração eletrônica e proibição de saídas noturnas e nos fins de semana. Passados estes dois anos, será obrigado a prestar serviços comunitários de seis horas por semana. Ficou barato, se levarmos em conta os crimes praticados.

 

Vão vender o pré-sal
O presidente da Associação dos Engenheiros da Petrobras (Aepet), Felipe Coutinho, reforça que a Câmara dos Deputados aprovou o regime de urgência para projeto de lei que permite à Petrobras vender até 70% dos campos do pré-sal concedidos a ela por meio do regime de Cessão Onerosa. O texto autoriza a empresa a vender até 70% da sua participação nos campos, o que hoje não é permitido.

 

Só 36 com votos próprios
O DIAP informou ontem que dos 513 deputados federais que foram eleitos em 2014, apenas 36 se elegeram com votos próprios. Os demais (477) conquistaram as vagas com a soma dos votos recebidos por seus partidos ou coligações. Isso faz parte do jogo eleitoral vigente no Brasil, que segue o sistema proporcional, no qual quem precisa atingir o quociente eleitoral é o partido ou a coligação, e não o candidato.

Share

GDIA