Contas de Foz em 2015 têm 5 irregularidades e ex-prefeito é multado em R$ 22,6 mil

Diocese recebe hoje Moção de Aplauso pelos 40 anos
12 de março de 2018
Dr. Brito é enquadrado na Lei da Ficha Limpa e ficará inelegível por oito anos
12 de março de 2018

Contas de Foz em 2015 têm 5 irregularidades e ex-prefeito é multado em R$ 22,6 mil

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) emitiu Parecer Prévio pela irregularidade das contas de 2015 do Município de Foz do Iguaçu, de responsabilidade de Reni Clóvis de Souza Pereira (gestor de 1º de janeiro a 3 de julho de 2015; e de 3 de agosto de 2015 a 13 de julho de 2016). No total, foram comprovadas cinco irregularidades na Prestação de Contas Anual (PCA). Os conselheiros ressalvaram o atraso na entrega dos dados do encerramento do exercício de 2015 ao Sistema de Informações Municipais-Acompanhamento Mensal (SIM-AM) do TCE-PR. Devido à decisão, Reni Pereira recebeu cinco multas de 40 vezes o valor da Unidade Padrão Fiscal do Estado do Paraná (UPF-PR) e uma de 30 vezes esse valor. As sanções financeiras totalizam 230 vezes o valor da UPF-PR, indexador das multas do Tribunal. Em março, a UPF-PR vale R$ 98,33 e as seis multas correspondem a R$ 22.615,90. (AI TCE / Foto: arquivo)

Share

GDIA