Planejamento financeiro é indispensável antes de ter um filho

Base governista intensifica articulação pela reforma da Previdência
14 de fevereiro de 2018
Câmara vota hoje projetos sobre atividades para saúde preventiva
14 de fevereiro de 2018

Planejamento financeiro é indispensável antes de ter um filho

Vencidas as metas financeiras como a conclusão da faculdade e o casamento, é chegada a hora de sonhar com a vinda de um bebê. Mas como se preparar para um projeto tão grande como ter um filho? Definitivamente, este não é um sonho barato. Ele muda drasticamente a vida financeira dos pais. Um levantamento do Instituto Nacional de Vendas e Trade Marketing (Invent) aponta que, sem contar com os custos da gestação, criar um filho até os 23 anos pode custar entre R$ 2 milhões (para classes altas) e R$ 407 mil (para classes mais baixas). Confira a seguir as dicas para um planejamento financeiro para a chegada de um filho. A tarefa não é simples e, para realizá-la, é preciso mais do que os nove meses de gestação. Especialistas indicam que o ideal é começar o planejamento financeiro com até dois anos de antecedência do nascimento do bebê. (Da Redação com Blog da Precon / Fotografia: Divulgação)

Share

GDIA