Receita corrente líquida da prefeitura aumentou 15,5% no ano passado

Em 4 anos da Lei Anticorrupção, União abre 183 processos e penaliza 30 empresas
28 de janeiro de 2018
Congressos latino-americanos organizados pelo IPDA debatem em Foz a administração pública
28 de janeiro de 2018

Receita corrente líquida da prefeitura aumentou 15,5% no ano passado

Cumprindo a Lei da Responsabilidade Fiscal, a prefeitura divulgou no dia 25 no Diário Oficial o balanço financeiro de 2017. A Receita Corrente Líquida aumentou de R$ 710 milhões em 2016 para 820,1 milhões no ano passado. Isso significa um aumento de 15,5%, frente a uma inflação anual inferior a 3%. O resultado superou as expectativas. No demonstrativo, o campo “Receita Patrimonial” refere-se às receitas de royalties e rendimentos de aplicações financeiras. Entretanto, a grande maioria do valor refere-se a royalties. O campo “Receita de Contribuições” refere-se, em sua quase totalidade, aos valores da COSIP (taxa de Iluminação Pública). Em IPTU foram R$ 57 milhões contra R$ 52,9 milhões no ano anterior. O Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF) somou R$ 42,4 milhões em 2017 e R$ 36,7 milhões em 2016. Com o Imposto sobre Transmissão de Bens Inter-vivos a prefeitura arrecadou R$ 18,6 milhões no ano passado e R$ 15,8 milhões no ano anterior. Já o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) foram R$ 82,7 milhões em 2017 e R$ 73,7 milhões em 2016. (Elson Marques Freelancer/Foto: Divulgaçã0)

Share

GDIA